Escassez de contentores: uma assimetria global que está a minar o comércio internacional


Raramente encaramos o contentor como um obstáculo – a regra é olharmos para este utensílio logístico como a simbolização da simplificação e interoperabilidade dos fluxos logísticos. O contentor personifica a versatilidade e a integração em vários contextos de transporte, muitas vezes complementares entre si. Mas, actualmente, a história é outra: a escassez global de contentores tem causado um tormento comercial devastador.

Escassez de contentores: Raúl Magalhães fala em «tempestade perfeita»

O cenário de assimetria e escassez começou, gradualmente, a desenhar-se no arranque da pandemia, no primeiro trimestre de 2020. Agora, como explicou ao ‘Dinheiro Vivo‘ Raul Magalhães, presidente da Associação Portuguesa de Logística (APLOG), a falta de contentores vem provocando graves disrupções nas cadeias logísticas de todo o mundo. Actualmente, vive-se, no comércio internacional, a «tempestade perfeita», caracterizou.

Há reservas de contentores que não estão a chegar à China para escoar produtos já prontos para satisfazer as encomendas noutros pontos do globo. «O fornecedor chinês tem a mercadoria pronta, mas não se consegue arranjar contentores para transporte», resumiu Raul Magalhães. Não existem também meios para enviar produtos de outros blocos económicos, tanto da Europa, como dos Estados Unidos da América.

E como se chegou a esta «tempestade perfeita»? «Enquanto a Europa e uma parte dos EUA ou estavam em lockdown, ou quase, a China continuava a produzir, porque saiu muito rápido da primeira fase e, portanto, o comércio internacional começou a ser feito num só sentido: ou da China para a Europa ou da China para os EUA», aprofundou. Além disto, acrescentou, também não houve reposição de stocks de contentores.

«Deixaram de se fabricar contentores, não houve um ajuste da oferta face ao desequilíbrio do mercado como um todo», vincou Raul Magalhães. E em cima disto, há ainda o Ano Novo chinês em Fevereiro, com um pico de cargas, em que a atividade económica fica praticamente um mês encerrada «com toda a gente a querer carregar encomendas» em antemão. Faltam agora contentores para atender à importação e à exportação.

Fonte: Revista Cargo

E você, também está com problemas de escassez de container?

Deixe nos comentários abaixo.

contato@protainer.com.br

13 974050868

13 41412858

www.isotank.com.br

121 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
whatsapp-transparente.png